Zaqueu

A pureza é uma benção concedida àqueles que só dizem a verdade.

Significado do nome Zaqueu

As interpretações mais aplicadas a este nome são ‘puro‘ e ‘inocente‘, embora outros significados mais simbólicos também sejam atribuídos a ele, como ‘arrependido‘ e ‘sincero‘, que auxiliam a formular a noção de que o homem honesto é aquele que sabe reconhecer seus erros e tentar muda-los para melhor, a fim de evoluir enquanto ser humano. Zaqueu traz então a ideia da pureza enquanto uma virtude que pode ser construída e cultivada, sem ser necessariamente um dom previamente obtido que não se pode adquirir.

Mas Zaqueu levantou-se e disse ao Senhor: ‘Olha, Senhor! Estou dando a metade dos meus bens aos pobres; e se de alguém extorqui alguma coisa, devolverei quatro vezes mais’.

Lc 19:8

Origem do nome Zaqueu

Zaqueu advém do hebraico Zakkay, cuja formação etimológica se dá a partir da raiz verbal zakak, que também pode ser compreendido como “purificar”. Este nome masculino possui duas variantes no idioma inglês – Zacchaeus e Zaccheus – sendo que a primeira delas é proveniente do grego.

Sua variação na língua espanhola é quase igual à grafia portuguesa: Zaqueo.

Zaqueu na Bíblia

Foi um publicano de Roma cuja função era coletar impostos para o governo, função que era despreza pelos judeus, que consideravam estes trabalhadores verdadeiros traidores por colaborarem com o império, ele era uma espécie de chefe em seu distrito (Lc 19:2). Quando soube que Jesus passaria por Jericó, Zaqueu subiu em uma árvore para ver o profeta tão comentado; o Messias, vendo-o, se convidou para jantar na casa daquele homem, fato que chocou o povo local, já que desprezam o cobrador de taxas (Lc 19:5). Tocado pela pregação de Cristo, ele imediamente se arrependeu de seus pecados e prometeu doar toda a fortuna acumulada para os pobres (Lc 19:8).

Seu nome é citado em três passagens das Escrituras Sagradas, sendo que todas elas estão localizadas no Evangelho de Lucas, componente do Novo Testamento.